27 de mai de 2010

Para quando eu me for...

Quando eu me tornar pó, enfim.

Faça-me um favor,

Plante uma roseira em mim!

Nenhum comentário:

Postar um comentário