19 de out de 2012

Com todos os sentidos


Ao encontrar você
meus sentidos se alegram.
Meu corpo sorri, ao sentir você chegando,
com seu perfume, que chega colorindo todo ar.
Minha alma se cala, pra ouvir seu olhar,
minha pele faz festa, com o seu paladar,
meus olhos felizes, ao te acariciar,
me alimento com gosto,
do sabor tão gostoso, que é te ouvir falar.
Vem, fica perto.
Quieta ou dançante,
de qualquer forma és musa.
De ti, quero tudo,
mas o simples por hora me basta.
Então vem.
Dê um sorriso, um olá
E, suavemente me abraça...

4 comentários:

  1. "Por hora me basta"...
    Assim como estacionamento, não tem como ficar sem usar a segunda hora, ou mais.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Exatamente, Demerval.
      Que exista todas as horas seguintes...

      Excluir
  2. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir